Filas gigantes de norte a sul do Brasil nesta quarta-feira (09). Isto porque se encerrou o prazo e a última oportunidade para quem precisava fazer a inscrição eleitoral e tirar o título. Esta quarta-feira é também a data final para o cidadão procurar o cartório eleitoral mais próximo para solicitar mudança de domicílio e regularizar sua situação, antes do fechamento do cadastro eleitoral para o pleito deste ano.

Os brasileiros que deixaram para a última hora enfrentaram filas desde a madrugada. Muitos eleitores de vários estados disseram que chegaram por volta das 5h, antes de abrir os tribunais e cartórios eleitorais, e já encontraram outros na fila. Dia bastante cansativo também para quem trabalhou com números acima da demanda devido aos quase “atrasados”.

Os eleitores votam em 2018 para presidente, governador, senador, deputado federal e deputado estadual ou distrital. O voto é obrigatório no Brasil. Apenas eleitores que têm menos de 18 anos ou mais de 70 anos não precisam votar. O voto também é facultativo para analfabetos.

A partir deste ano, o eleitor também tem acesso a uma via digital do título eleitoral por meio de um aplicativo lançado pela Justiça Eleitoral. O aplicativo está disponível nos aparelhos Android e iOS. É possível ver a seção e a zona eleitoral do eleitor, bem como a situação biométrica (se a biometria foi coletada ou não), a situação eleitoral (se está regular ou não) e a quitação eleitoral (se está quite ou não).

O e-Título substitui o documento oficial com foto (RG, CNH, carteira de trabalho etc) apenas quando o aplicativo mostra a foto do eleitor e quando a coleta da biometria já foi realizada.

Share This