Por Marcelo de Almeida

Os 10 passos para elevar sua autoestima foram cuidadosamente pensados para que você desenvolva mais o seu amor próprio e, principalmente, para te ajudar a atingir níveis superiores de tranquilidade e felicidade. Aprender a se amar é o passo mais importante na vida, pois só assim é que podemos alcançar o sucesso, a felicidade, os bons relacionamentos e a paz interior.

A sua saúde também depende do quanto você se ama, uma vez que as suas células recebem informações e influências através de tudo o que você pensa e sente. Bons pensamentos e sentimentos geram um sistema imunológico resistente, mas atitudes mentais negativas e baixa autoestima podem enfraquecer o seu corpo e as suas defesas naturais.

Sugiro que você reflita sobre cada um desses passos, pois dessa forma os resultados, como por exemplo, o equilíbrio interior e o fortalecimento emocional, serão altamente satisfatórios.

1º passo: Harmonize seus ambientes

Abra todas as portas e janelas de sua casa ou de seu local de trabalho e comece uma limpeza geral. Inicie pelos armários; tire tudo e só coloque de volta o que você realmente estiver precisando e tiver utilidade. Elimine o restante da melhor forma que encontrar, ou seja, doando ou vendendo, talvez. Faça isso, depois, em todas as dependências da casa e do escritório. Lembre-se: só deve ficar o necessário! Roupas e objetos que estão sem uso perdem a função vital, bloqueando o fluxo de energia do meio ambiente. A falta dessa energia ou a energia parada adoece os ambientes, você e sua família.

Faça essa limpeza periodicamente e principalmente com a consciência de que também estará fazendo uma faxina mental. Dicas: Objetos eletrodomésticos quebrados devem ser eliminados ou consertados, pois representam “situações” mal resolvidas. Ambientes claros, com plantas, aromas agradáveis melhoram a energia do local e o interior de quem o frequenta. Evitar discussões nos seus ambientes especiais, como o quarto ou sala de trabalho, é recomendado, já que a energia cultivada no ambiente fica na memória do lugar.

2º passo: Alimente-se bem

Respeite o momento das refeições. Preste atenção no que você está fazendo. Não fique concentrado na televisão e nem marque tantos negócios para esta hora. Evite falar sobre problemas. Acalme-se, olhe para os alimentos e lembre-se: o que você está ingerindo irá para o interior das suas células e será parte de você, tanto física como mentalmente. Seu corpo é, originalmente, 100% natural. Uma alimentação artificial é incompatível com a sua natureza. Evite também a carne vermelha, pois os animais levam uma vida inteira sendo maltratados, principalmente no momento do abate. Todas essas emoções como o medo, o desespero e a tristeza ficam na carne em forma de energia negativa impregnada. Pense nisso!

3º passo: Preste atenção em você

Perceba os seus pensamentos. Ao longo do dia você tem milhares, alguns negativos e outros positivos. Você não é os seus pensamentos, mas eles têm uma enorme influência sobre sua vida. Se você tem mais pensamentos negativos, isto demonstra que você é uma pessoa negativa, sua vida vai mal e as pessoas e situações que você atrai também estão na mesma frequência de negatividade. Você pode mudar a sua vida mudando a qualidade de seus pensamentos. Quanto aos negativos, você não poderá eliminá-los, mas poderá reduzir as influências negativas que eles proporcionam. Para tanto, é necessário que você cultive os positivos e elevados.

Enquanto você presta atenção no que está pensando, já tem maior autocontrole sobre a energia mental e consequentemente sobre sua vida. Procure ler frases de afirmações positivas e biografias de pessoas bem-sucedidas. Mas quando o pensamento negativo lhe assaltar a mente, repita por sete vezes: “este pensamento não tem forças sobre mim”. Com o tempo, você perceberá que no jardim existem rosas e espinhos e que a felicidade é um presente para quem observa as rosas, e a tristeza para quem só olha os espinhos. Pense positivo!

Existem cinco tipos de pensamentos:

woman-598313_960_720Os negativos, que são os que caracterizam o pessimismo. Achar que tudo vai dar errado. Os inúteis, que são os que começam com o “se”… Pensar em algo que poderia ter acontecido, mas não aconteceu é uma perda de tempo e energia. Os comuns, que são aqueles cotidianos, que nos fazem pensar nas contas a pagar, nos afazeres, enfim, nas decisões práticas e diárias. Os positivos, que são os que caracterizam o otimismo. Confiar em si mesmo e apostar que tudo vai dar certo. Os elevados, que são aqueles espirituais, no qual intuímos ajudar alguém, fazer o bem ou elevar uma prece a Deus.

4º passo: Tenha objetivos na vida

Tenha objetivos materiais e espirituais. Busque sempre melhorar a sua condição financeira, planeje comprar bens, faça investimentos, realize viagens e busque tudo o que tiver vontade, pois você tem este direito. Mas lembre-se: nunca dependa dessas conquistas materiais para viver emocionalmente bem. Elas não podem garantir isso! A verdadeira felicidade só é alcançada por meio dos objetivos espirituais. Procure tornar-se uma pessoa mais paciente, bondosa, serena, confiável e amiga, além de humilde, aberta, sincera e simples e, principalmente, uma pessoa que tenha fé e confiança na vida. Esses objetivos, e só esses, podem garantir o equilíbrio, a satisfação e a razão de viver.

5º passo: Pratique exercícios

Escolha um exercício que lhe agrade: caminhar, dançar ou nadar são excelentes atividades. Os exercícios estimulam o fluxo da energia vital, gerando além de um melhor condicionamento físico, uma ótima sensação de bem-estar. A prática de exercícios bioenergéticos como o yoga, o tai chi chuan, a dança do ventre, entre outros, também é fundamental para o equilíbrio do corpo e da mente. O mais difícil em relação aos exercícios é tomar a decisão de começar. É dar o primeiro passo. Mas depois de 21 dias de prática, o cérebro registra como um hábito e aí tudo fica mais fácil.

6º passo: Utilize seus talentos

Você tem dons e talentos. Descubra quais são eles e comece a colocá-los em prática. A sua saúde física e emocional depende muito desses talentos. Pessoas que não utilizam essa energia criativa bloqueiam o seu fluxo energético e adoecem física e emocionalmente. Canalize seus talentos com o propósito de melhorar a vida das pessoas. Este é um excelente caminho para encontrar prazer, equilíbrio e crescimento em sua vida.

7º passo: Medite todos os dias

yoga-1812695_960_720A meditação é a medicina alternativa do corpo e da mente. Além de terapêutica, é a melhor ferramenta para o crescimento pessoal e espiritual. Preste muita atenção: aprendendo a meditar você descobre com o tempo a diferença do que é ou não importante para a sua vida. Com isso, torna-se uma pessoa mais segura e objetiva. Com a meditação, você cura o seu corpo, melhora a sua memória e a concentração, desperta a intuição e a percepção. Você se torna uma pessoa mais disposta e produtiva, mais agradável e serena.

A forma de meditar é muito particular de cada pessoa. Existem muitas técnicas e rituais. Cada um deve praticar da maneira que se sentir melhor. Procure um livro, um curso ou um Mestre, mas procure, pois a meditação vai melhorar muito a sua vida, e vai fazer você reencontrar a pessoa mais importante do mundo: você mesmo!

8º passo: Aceite a vida

Pare já de reclamar! Volte a sua mente para o que a vida oferece de bom. Aceite viver nesse planeta azul, e curta a viagem da melhor maneira possível. Lembre-se que ela tem fim, então faça bom proveito. Ajude o próximo, seja uma pessoa sincera, alegre e procure trabalhar com amor. Aceite sua casa e seus bens. Aceite as pessoas como elas são e, principalmente, aceite-se como você é, seu corpo, sua personalidade. Mas aceitar não significa se acomodar com os problemas e dificuldades da vida. Devemos buscar a força para mudar o que podemos mudar e a aceitação para o que não podemos.

9º passo: Visite a natureza

Coloque esta meta em sua vida. Pelo menos uma vez por mês, faça uma visita à mãe natureza. Ela tem o poder de purificar as células e acalmar o espírito. O mar neutraliza as energias negativas e recarrega o campo eletromagnético (aura). As cachoeiras ativam a vida celular e também energizam a aura, além de hidratar a pele e os cabelos. O verde ativa o processo interior de autocura, tanto física como emocional. Pisar descalço na terra descarrega as energias negativas. E não se esqueça: você é parte da natureza e deve estar em harmonia com ela se quiser manter ou recuperar a qualidade de sua vida.

10º passo: Converse com Deus

Antigamente, os gregos espiritualistas evitavam dizer o nome de Deus, pois achavam seu vocabulário muito limitado para expressar a grandeza Dele. Então, todas as vezes que tinham de falar sobre Deus usavam a expressão “Todo”. Aprenda a estar em sintonia com o Todo que está ao redor e principalmente dentro do seu coração. A melhor forma? Fica a seu critério, o importante é desejar que isso aconteça.

Lembre-se: o que você mais procura já está dentro de você!