Por Lindenberg Junior

Em tempos em que se comenta muito sobre livros de autoajuda como “O Segredo”, “A Lei da Atração” e “O Monge e o Executivo” – livros que venderam milhões de cópias em todo o mundo, eu gostaria de mencionar aqui sobre coragem e fé.  A partir desse ajuste, revise os outros parágrafos e se for o caso edite o texto por completo para deixar o máximo atualizado.

Segundo Mahatma Gandhi já dizia, aquele que e corajoso em espírito considera uma gloria combater sozinho. A prosperidade espiritual não e apenas para os santos assim como a prosperidade econômica também não e apenas para os sábios. Acreditar em você e que as coisas vão dar certo, visualizando mentalmente esse momento esperado, e não deixando se levar por energias negativas pode ti ajudar e muito, Mas acredito que a fé tenha uma importância especial nos resultados.

Ter fé e guiar nossa vida não com apenas a vista, mas sim com o coração. A razão necessita muitas evidências para se arriscar, já o coração necessita apenas de um raio de esperança. As coisas mais belas que a vida pode nos proporcionar não podem ser vistas nem tocadas, somente se pode acariciar com o espírito.

Ter fé é levantar-se quando se está caído e arriscar tudo em troca de um sonho de amor ou de um ideal, e ver um sinal positivo em sua frente, não importa quanto incerto seja o futuro ou o quanto doloroso foi o passado. Para mim, ter fé é confiar nas pessoas e não somente nas coisas. Sim, claro que vai existir pessoas pisando na bola e traindo sua confiança, mesmo assim temos que continuar confiando, mas nos precaver e sermos mais cuidadosos em quem confiar.

Desejo que em tua vida haja suficiente fé para poder ir pulando as pedras que ocasionalmente apareçam no seu caminho, suficiente coragem para criar possibilidades e desenvolver seus talentos e, acima de tudo, a necessária humildade para aceitar o que não se pode mudar.