Imagem: KTLA TV, Los Angeles

Após chuvas torrenciais caírem sobre a Califórnia nos dias 08 e 09 de janeiro, equipes de emergência e resgate lutam contra a lama e entulhos para salvar vidas. Já são 20 mortes confirmadas, 3 pessoas desaparecidas, 28 feridas, 65 casas destruídas e 462 danificadas. Teme-se ainda que o número de mortos aumentará à medida que o trabalho de resgate e limpeza prossiga.

As chuvas torrenciais afetam exatamente a região na qual o maior dos incêndios do mês de dezembro (2017) ocorreu, o Thomas Fire, que amedrontou os habitantes locais e levou praticamente um mês para ser apagado completamente. Com os incêndios, a vegetação dos morros  foi removida e as encostas encharcadas cederam, liberando uma enxurrada de lama, água, árvores arrancadas na raiz e pedregulhos abaixo.

Os deslizamentos, em parte, são consequências dos morros que ficaram “carecas” depois dos incêndios e não aguentaram a quantidade de água que caiu na segunda (08) e terça-feira (09). A busca pelos sobreviventes dos deslizamentos de terra em partes do Condado de Santa Bárbara continuaram neste final de semana e na segunda-feira, enquanto diminuíam as esperanças de encontrar alguém vivo, disseram autoridades. “Ainda estamos em modo de resgate e ainda esperamos achar alguém vivo, embora as chances disso acontecer estejam se tornando pequenas”, disse Justin Cooper, porta-voz da equipe de resgate.

À medida que a busca por mais vitimas continua em  Montecito, autoridades disseram na segunda-feira (15) que a previsão de abertura da 101 Freeway seja na segunda-feira, dia 22 de janeiro. A auto-estrada que liga de norte a sul o estado da Califórnia foi transformada em um rio cheio de lama e detritos entre as cidades de Santa Barbara e Carpinteria. No dia em que escrevemos esse artigo (16/01) autoridades e funcionários já chegavam ao sétimo dia tentando desbloquear e limpar a auto-estrada.

Mais 900 funcionários de equipes de emergência chegaram neste fim de semana, 13 e 14 de janeiro, para ajudar nos esforços de socorro conduzido por mais de 2.100 pessoas de agências locais, estaduais e federais, incluindo a Guarda Costeira dos Estados Unidos, e a Cruz Vermelha Norte-Americana. As equipes continuaram o trabalho de busca e salvamento na segunda e terça-feira (16).

Enquanto isso, o Departamento do Xerife do condado de Santa Barbara disse na segunda-feira (15) que uma pessoa indicada como desaparecida tinha sido achada segura em Ventura, diminuindo de 4 para 3 o total de desaparecidos. John “Jack” Keating, 53 anos, estava em Carpinteria, e não em Montecito, quando as chuvas chegaram, disse o departamento do xerife. Três pessoas estão listadas como desaparecidas: John “Jack” Cantin, 17; Faviola Benitez Calderon, 28; e Lydia Sutthithepa, 2.