Por Simone Sousa Leandro

Um verdadeiro paraíso em meio à Baía de Todos os Santos. Considerada reserva ecológica desde 1982, a Ilha dos Frades, guarda muitos encantos naturais. Para começar, o próprio nome chama a atenção dos visitantes e dos mais curiosos. Pertencente ao município de Salvador, a Ilha possui 1.335 hectares, onde encontramos a presença constante de coqueirais, lagos, cachoeiras e uma vegetação típica da Mata Atlântica. Por estar próximo da capital, a ilha atrai muitos turistas que aproveitam a vida urbana em Salvador, mas correm prá lá no final de semana, atrás de sombra e água fresca e um gostoso banho de mar.

A ilha recebeu este nome desde os tempos dos jesuítas no Brasil. Reza a lenda que alguns índios tupinambás que habitavam a região naquela época, assassinaram dois frades que foram para a ilha com o objetivo de catequizá-los. O nome pegou e até hoje os moradores sustentam essa história. Além das muitas igrejas na ilha, encontramos também antigos engenhos do período colonial, além das ruínas de um armazém onde, segundo os moradores, os escravos ficavam de quarentena, no tempo da tão sofrida escravidão no Brasil.

Além das aulas de história contadas pelos próprios moradores, o visitante tem a oportunidade de fazer um passeio pela trilha ecológica. Por lá, a vegetação é típica da Mata Atlântica e, quem se aventurar, pode ainda ter a oportunidade de encontrar uma cachoeira e aproveitar seu gelado e delicioso banho. Durante a maré baixa, é possível fazer uma gostosa caminhada e contornar toda a ilha caminhando pela areia branquinha.

Suas águas calmas, mornas e a constante presença de recifes e corais tornam o lugar um verdadeiro paraíso. A praia mais visitada por turistas é a Ponta de Nossa Senhora. Ali, a presença de escunas é constante. A mais frequentada e famosa dentre as praias da localidade, a Ponta de Nossa Senhora é o local perfeito para relaxar e curtir a natureza. O mar sem ondas é ideal para as crianças. Na areia, barracas atendem os turistas e servem cerveja gelada e pratos com frutos do mar. Situada ao norte da ilha, é nessa praia que aporta a maioria das escunas. Aos finais de semana, o local fica bastante movimentado.

Quem quiser conhecer esse pequeno paraíso de apenas seis quilômetros, não deve perder a oportunidade de subir o Morro de Nossa Senhora de Guadalupe, onde se encontra as ruínas da igreja de mesmo nome. De lá, se tem a melhor vista da praia. Outra opção da Ilha do Frades é praticar esportes aquáticos. O mar calmo favorece a prática do mergulho e o turista pode conhecer as belezas naturais do fundo do mar. Outra dica é pesca. Atividade que pode ser bastante explorada no local.

Há duas formas de chegar até a Ilha dos Frades. A mais rápida é através de escunas que partem do Terminal Turístico Náutico da Bahia. Durante a travessia, se tem uma belíssima vista de várias outras ilhas da Baía de Todos os Santos. O passeio varia entre R$ 35 e R$ 70 por pessoa.

Há também a opção de seguir de Salvador para Madre de Deus através da BR-324, sentido Feira de Santana. São 32 km até o entroncamento com a BA-522, em direção a Candeias, e mais 20 km até o centro de Madre de Deus. De lá, é possível pegar pequenos barcos que levam até diversos pontos da Ilha dos Frades.

Facebook Comments

Share This