De acordo com dados do Itamaraty, mais de 60 mil brasileiros devem comparecer aos jogos da Copa na Rússia que começou, oficialmente, na quinta-feira (14). Tendo em vista esses números, o governo brasileiro disponibiliza uma cartilha com informações essenciais para torcedores brasileiros que irão para o país durante o evento.

O “Guia Consular do Torcedor Brasileiro”, lançado pelo Ministério das Relações Exteriores e o Ministério do Esporte do Brasil, reúne dados básicos sobre a Rússia, como idioma, moeda, voltagem, clima e meios de transporte, além de recomendações e informações sobre como proceder em casos de assistência consular necessária. A cartilha alerta também para usos e costumes russos que podem diferir significativamente das práticas brasileiras e causar transtornos evitáveis e mal-entendidos.

O Brasil é o terceiro país que mais comprou ingressos para o Mundial que irá acontecer em 11 cidades russas. O Itamaraty organizou o funcionamento temporário de 5 novos escritórios consulares em São Petersburgo, Sochi, Rostov, Samara e Kazan, que, juntamente com o Setor Consular da Embaixada do Brasil em Moscou, estarão à disposição dos mais de 65 mil torcedores brasileiros esperados na Rússia.

Na entrada do país, todos os viajantes recebem um documento migratório que deve ser guardado e apresentado em todas as cidades pelas quais passarão. Ao chegar em cada uma delas, o turista tem o período de até 24 horas para notificar as autoridades locais sobre a sua estadia na cidade. Esse serviço pode ser solicitado nos hotéis ou, no caso de hospedagens em Airbnbs e feitas pelo booking.com, devem ser feitas pelo proprietário do imóvel. Outros casos de acomodação também são contemplados pelo Guia.

O Guia Consular do Torcedor Brasileiro pode ser baixado no Portal do Itamaraty e na página do Ministério do Esporte.