Apaixonado pelos serviços públicos, mais precisamente na área de segurança, prevenção e saúde, esse paulistano teve a oportunidade de vir para Los Angeles em três ocasiões distintas para estudar no UCLA (1986,1994 e 1998 – Extension). Nessas temporadas em L.A, ele teve contato e boas experiências no Museum of Tolerance e, em 2007, co-fundou no Brasil, o Instituto Tolerância-Brasil em São Paulo, órgão sem fins lucrativos inspirado nos trabalhos do Museum of Tolerance.

Em 2009, o Museum of Tolerance fez um convite para Renato integrar o corpo docente voluntário da instituição. A proposta soava muito interessante já que ele sabia que podia ampliar seus conhecimentos junto a um órgão publico americano e voltar a viver na Califórnia. Desde então, Renato vem somando conhecimentos dentro da área de segurança, prevenção em casos de desastres naturais e saúde junto a diversos órgãos públicos americanos. Entre esses estão o L.A Fire Department CERT, o Santa Monica Disaster Communications Service, o L.A Police Department/West Bureau, o FBI e o California Emergency Medical Services Authority.

O mais importante para Renato sempre foi devolver para a sociedade e para o país que emigrou o conhecimento adquirido na sua jornada e ajudar pessoas. Graças à sua dedicação, ele criou um importante departamento que auxilia diversos brasileiros no que diz respeito a desastres naturais – o CERT BRAZIL (Community Emergency Response Team) em L.A. Esse projeto tem como principal objetivo a capacitação e preparação de imigrantes brasileiros para catástrofes naturais (como terremotos) e emergências causadas pelo homem como, atos terroristas e ataques de atiradores.

Com o crescimento no interesse da segurança e preparação para emergências na Califórnia, o grupo do CERT BRAZIL cresceu e conta hoje com mais de 700 membros. Quando emergências acontecem, membros do grupo podem dar apoio crítico a socorristas e fornecer assistência imediata às vítimas. Os seus integrantes também podem ajudar com projetos não-emergenciais que ajudam a melhorar a segurança da comunidade.

Facebook Comments

Share This