Por Aryadne Oliveira e Lindenberg Junior

1_hdPodemos dizer que da mesma forma que a mulher americana usa o seu “peitoral” como artifício para se tornar sexy, as garotas brasileiras usam o bumbum como arma de atração para com o sexo oposto. Afinal, elas sempre desfilaram suas belas curvas em biquínis pelas praias do litoral brasileiro, em calças justas no dia a dia em momentos de descontração e às vezes até mesmo no dia a dia do trabalho. E nos últimos anos, em particular, capricharam nos exercícios de fortalecimento dessa parte do corpo.

O cultivo do corpo sarado é quase uma unanimidade entre as brasileira, e, em particular, entre as jovens e residentes de grandes centros urbanos. Para a grande maioria delas, as academias se tornaram locais certos para uma visitinha quase que diária, tanto no formato de “estética”, ajudando a modelar o corpo, quanto no formato “social”, ampliando o networking e cultivando amizades. Para a minoria que prefere o ambiente “outdoor”, as apostas são nas caminhadas e nas escaladas ou subidas.Dois tipos de exercícios, que além de garantir boa queima de calorias, garantem, claro, o fortalecimento dos glúteos.

Bom exemplo do encantamento que a beleza e as “curvas” brasileiras causam nas americanas é a história da carioca Carolina Goes. Mãe, psicóloga e atleta, Carol (como é chamada) entende bem deste assunto. Junto a seu marido, Alan Goes, Carol está à frente do estúdio de Mix Martial Arts em Mission Viejo, Orange County, onde vivem. Ela divide seu tempo entre a família, a psicologia e as aulas de Cardio Kickboxing – uma mistura de exercícios aeróbicos com técnicas de boxe tailandês incrementado por uma diferença: o seu “swing sangue-bom” – uma típica expressão brasileira que significa “garota legal”.

Apesar do apelo naturalmente masculino, a aula oferecida no estúdio de artes marciais da família, se tornou popular entre as mulheres que buscam nos exercícios a tonificação dos músculos – principalmente os do bumbum. As técnicas executadas durante uma hora de aula usam sacos de boxe, cordas, pesos, caneleiras, e são baseadas na técnica autêntica do boxe tailandês que promove um treinamento de resistência e benefícios cardiovasculares aos praticantes.

São 60 minutos de exercícios puxados de defesa pessoal, alongamento e aeróbicos, que no caso do estúdio Goes Martial Arts, são realizados sob o som de música popular brasileira. Sem dúvidas uma combinação charmosa, eficiente e sem contra-indicação para os que buscam decifrar o segredo da “garota Carioca”.

Relacionamos abaixo algumas curiosidades e fatos interessantes:

1. Segundo o famoso sociólogo brasileiro Gilberto Freyre, essa paixão brasileira vem do tempo do Brasil colônia. Os colonizadores portugueses trouxeram essa mania de lá já que as mulheres da Península Ibérica tinham bumbuns avantajados e inclusive rivalizavam com as negras africanas.

2. Estruturalmente, na raça humana, as nádegas são formadas dos músculos que movimentam as pernas e é também o local onde é armazenada a gordura para formação de um feto. Aliás, uma pesquisa de Oxford mostrou que o acúmulo de gordura no traseiro é benéfico para a saúde, pois protege contra doenças cardiovasculares, já que ajudam a eliminar lipídeos prejudiciais e possuem agentes antinflamatórios.

3. Na astrologia antiga, cada parte do corpo é representada por um signo e no caso do bumbum, o correspondente é libra, pois é o equilíbrio.

4. O Guinness, ao contrário dos seios, não registra a maior nádega do mundo, mas o bumbum da Brasileira Andressa Soares, a “Mulher-Melancia”, impressionou até mesmo Dian Hanson, da editora Taschen que fez questão de incluí-la no livro “The Big Butt Book”. Apesar desse fato, a bumbum que foi considerado o mais bonito do mundo foi o da gaúcha Melanie Fronckowiak, que venceu um concurso em Paris em 2008, patrocinado pela marca de roupa Sloggi e levando 15 mil Euros.

5. No âmbito internacional, o site masculino “Ask Men” escolheu, em 2009, as dez melhores modelos de bundas e cujas três primeiras do ranking foram: CoCo, esposa do rapper Ice-,T e que ficou em terceiro; Kristina Dimitrova que foi a antecessora da brasileira Melanie no concurso de 2007 e que ficou em segundo, e Vida Guerra, que você talvez nunca tenha ouvido falar  e que foi a ganhadora.

Facebook Comments

Share This