Quando ouvimos o termo “beleza é poder”, notamos que nossa cultura acabou mostrando que essa afirmação é, na verdade, um mito. Afinal, beleza, supostamente, é algo superficial. Ao ouvir este termo imediatamente supomos que a beleza descrita se refere à beleza exterior em detrimento da elegância interior. Mas por que devemos distinguir estes dois tipos?

Uma pesquisa demonstrou que a falta de uma atitude positiva perante a vida está associada a uma incapacidade de florescer. Da mesma forma, os maus hábitos de saúde que afetam nosso organismo logo se tornam evidentes externamente também. Em contrapartida, as pessoas parecem aproveitar mais a vida e desfrutar de cada momento quando estão elegantemente vestidos, fisicamente interessantes e sexualmente atraentes. Estes são os ingredientes que fortalecem nossa imagem e também nossa espiritualidade, nosso otimismo e coragem interior. Os brasileiros há muito perceberam isso como um ingrediente importante para o sucesso humano.

A reputação de sensualidade, beleza e juventude do Brasil se originou por meio de influências multiculturais. Apesar dos portugueses inicialmente descobrirem e colonizarem o Brasil em 1500, a entrada de imigrantes holandeses, italianos, alemães e espanhóis povoou muitas áreas do país nos séculos seguintes. Da mesma forma, as demandas pela colheita da madeira brasileira e da cana-de-açúcar estimularam o uso de escravos africanos como mão-de-obra, o que também influenciou a cultura nacional.

O resultado final tem sido uma marca única de culinária, moda, expressão e estilo de vida que tem feito os brasileiros perceberem todas as formas de beleza como fortalecedoras. Como resultado, a fusão brasileira de beleza interior e exterior criou a consciência internacional de sua cultura em relação não apenas aos segredos antienvelhecimento, mas também à saúde em geral.

Um dos aspectos mais notáveis ​​da cultura do Brasil é a dança. O samba, que faz parte da cultura brasileira desde o final do século XIX, reflete uma mistura de culturas africanas e portuguesas e apresenta um movimento estimulante do corpo. Enquanto cerca de 400 calorias podem ser queimadas em uma hora de dança com o samba, a expressão e a sensualidade da dança são igualmente importantes para a juventude e a saúde. O samba, assim como sua posterior contraparte, a Bossa Nova, refletem a abertura do povo brasileiro a outras culturas e novas ideias. Tais comportamentos foram ligados à saúde de forma positiva. A vibração e a energia associadas a essas danças brasileiras há muito são percebidas como não apenas impressionantes, mas como um meio de tornar o corpo, a mente e o espírito mais jovens de forma quase que perpétua.

Em minha própria experiência, tendo passado minha infância e minha juventude em São Paulo, essa vibração entre os brasileiros é exemplificada em todos os aspectos de seu estilo de vida. Meus pais e eu, juntamente com muitos outros brasileiros, sofremos muitas dificuldades durante os anos inflacionários dos anos 70 até os anos 90. De repente, nos encontramos como parte da classe média baixa lutando para sobreviver. Mas os brasileiros mesmo assim mantêm a esperança e se adaptam facilmente aos desafios, ambos associados à saúde e à plenitude dos jovens.

No Brasil, um homem inteligente não é apenas aquele que recebeu um diploma ou grau especial, mas é também dedicado à sua família e capaz de sobreviver com um salário mínimo. A importância da adaptabilidade mental é profunda na cultura brasileira e promove uma atitude positiva, bem como vitalidade e juventude de maneira ampla. Abraçando sua típica ética de trabalho forte, enquanto procuram novas maneiras de se destacar, os brasileiros repetidamente se recuperaram das lutas com uma paixão única. De fato, a paixão e o calor estão no coração de todo brasileiro.

Em tudo o que fazem, os brasileiros investem totalmente como um objetivo a ser alcançado e o fazem com otimismo e energia impressionantes. Com intensidade e paixão, seu foco permanece no positivo e nunca no negativo, e é por isso que o Brasil surpreendeu o mundo com suas conquistas. Como tem sido o seu curso ao longo da história, os brasileiros manifestam seu próprio destino infundindo seu estilo de vida e cultura com uma paixão revigorante.

 

* Luciano Sztulman é médico e dedicou sua vida profissional de mais de trinta anos à saúde e bem-estar das mulheres. Ele é o autor do livro Beauty Is Power: Dr. Luciano’s Brazilian Beauty Secrets For Staying Young”.

Facebook Comments

Share This