650x400-2015-world-games-stampNeste verão, Los Angeles recepcionará sete mil atletas inspiradores de 177 países diferentes para os Jogos Olímpicos Mundiais Especiais de 2015. Apoiando crianças e adultos com deficiências intelectuais, os Jogos Mundiais são o maior evento esportivo e humanitário do mundo.

Para celebrar, a The Coca-Cola Company, parceira fundadora dos Jogos Olímpicos Especiais, montou uma equipe de estrelas para gravar uma canção unificada para os Jogos Mundiais, chamada “Reach Up.” A nova canção foi lançada dia 15/06 e será interpretada durante os Jogos Olímpicos Mundiais. A ESPN é a transmissora oficial dos Jogos Olímpicos Mundiais e terá transmissão ao vivo de três horas da cerimônia de abertura que começa às 21h, horário da Europa, apresentada por Robin Roberts, coapresentador do “Good Morning America,” da ABC e Lindsay Czarniak e Kevin Negandhi da ESPN.

“Reach Up” é interpretada pela banda de rock O.A.R., pelo artista de gravação Cody Simpson e acompanhamento de Breanna Bogucki, cantora e atleta dos Jogos Olímpicos Especiais de Illinois que sofre de autismo, e Madison Tevlin, uma jovem canadense com síndrome de Down que se tornou uma sensação viral no início deste ano. Escrita por Marc Roberge, vocalista da O.A.R., Nathan Chapman e Kevin Kadish, a canção de rock alternativo estimulante incentiva as pessoas com as mais diversas capacidades a nunca desistir.

Inspirada nos Esportes Unificados Olímpicos Especiais – um programa que reúne os atletas com e sem deficiências intelectuais em uma mesma equipe para competir – “Reach Up” integra os valores do otimismo, aceitação e inclusão compartilhados pela Coca-Cola e pelos Jogos Olímpicos Especiais.

“Todos, durante as nossas vidas, sempre somos tocados por alguém que não nasceu com todas as oportunidades que tivemos. Afinal, todos estamos fazendo exatamente a mesma coisa – tentando compreender a vida que recebemos”, disse Marc Roberge, vocalista do O.A.R. “Eu me acho sortudo por ser capaz de dedicar tempo e aprender com duas pessoas incríveis – Madison e Bree – envolvidos com a Coca-Cola para algo tão especial e importante como os Jogos Olímpicos Especiais Mundiais. ‘Reach Up’ é um hino. Quero que as pessoas ouçam e sintam que elas podem fazer alguma coisa.”

Os fãs podem apoiar os Jogos Olímpicos Especiais compartilhando o vídeo da música “Reach Up” nas mídias sociais usando a hashtag #ReachUp. A Coca-Cola doará um dólar – até US$ 100.000 – para os Jogos Olímpicos para cada compartilhamento do vídeo de “Reach Up” usando a hashtag que leva aos Jogos Olímpicos Mundiais.

Os fãs podem ouvir “Reach Up” no Spotify e aprender mais sobre a história dos músicos na Coca-Cola Journey.

The Coca-Cola Company é a parceira fundadora e patrocinadora global dos Jogos Olímpicos Mundiais, a maior organização esportiva e de saúde do mundo dedicada às pessoas com deficiências intelectuais. Desde 1968 – a estreia dos Jogos Olímpicos Especiais – a Coca Cola tem mantido um profundo compromisso com a organização e ofereceu mais de US$ 190 milhões em assistência aos seus programas através de produtos, equipamentos, doações e apoio de marketing.

Sobre os Jogos Olímpicos Especiais Mundiais de Verão de 2015

Os Jogos Olímpicos Mundiais Especiais de 2015, com o espírito, entusiasmo, trabalho em equipe, alegria, demonstração de coragem e capacidades incomparáveis que marcam todos os eventos dos Jogos Olímpicos Especiais, apresentarão 25 esportes Olímpicos em locais em toda a região de Los Angeles. Espera-se que a Cerimônia de Abertura, a ser realizada em 25 de julho de 2015, no Coliseu do Memorial histórico de Los Angeles, local dos Jogos Olímpicos de 1932 e de 1984, atraia 80 mil espectadores. Nas tribunas de honra dos Jogos estarão o presidente Barack Obama e a primeira-dama Michelle Obama, juntamente com o prefeito de Los Angeles, Eric Garcetti e o governador da Califórnia, Jerry Brown como anfitriões honoríficos.

Sobre a Special Olympics International

Special Olympics é uma organização internacional que muda a vida das pessoas através do poder do esporte, incentivando e capacitando as pessoas com deficiência intelectual, promovendo a aceitação de todos, e incentivando as comunidades de entendimento e respeito em todo o mundo. Fundada em 1968 por Eunice Kennedy Shriver, o movimento Special Olympics cresceu de poucas centenas de atletas para mais de quatro milhões de atletas de mais de 170 países de todas as regiões do mundo, oferecendo treinamento esportivo, competições atléticas e programas correlatos durante todo o ano.

Fonte: Dino

Facebook Comments

Share This